Primeiro-ministro são-tomense anuncia remodelação do governo

Resultado de imagem para membros do governo de patrice trovoada

Vitrina 14 out – O primeiro-ministro são-tomense, Patrice Trovoada anunciou hoje a remodelação do seu governo, substituindo quatro ministros do seu elenco.

A remodelação governamental prevê uma redução do número de ministérios, que segundo o comunicado estará “em linha com as necessidades de ajustes na estrutura do governo e a necessidade de contenção de despesas públicas e maior racionalidade, eficiência e eficácia na ação do governo”, indica um comunicado do governo.

A proposta que já foi remetida ao presidente da república Evaristo de Carvalho não inclui figuras de proa como Agostinho Fernandes, ministro da economia e cooperação internacional, Carlos Stock, ministro da Defesa e do Mar e Salvador dos Ramos, dos Negócios estrangeiros e comunidades.

Os dois primeiros, segundo fontes do partido no poder, Ação Democrática Independente, (ADI) demitiram-se do cargo depois de “fricção com o chefe do governo”.

Em carta remetida ao presidente da república, Patrice Trovoada mantém para novo governo Afonso da Graça Varela da Silva no cargo de Ministro da Presidência do Conselho de Ministros e dos Assuntos Parlamentares, Arlindo Ramos que exercia as funções de ministro da administração interna passa a ter também sob sua tutela a de defesa, enquanto Américo de Oliveira Ramos que no governo cessante já era ministro das finanças e administração pública continuará a tutelar as finanças agora acrescido de Comércio e Economia Azul.

Carlos Manuel Vila Nova mantém-se nas funções de Infraestruturas, Recursos Naturais e Ambiente, Olinto da Silva Daio também mantém-se na educação, cultura e ciência e agora também com a comunicação que anteriormente estava sob tutela de Afonso Varela.

Teodorico de Campos continuará com a pasta de agricultura e desenvolvimento rural, Maria de Jesus Trovoada dos Santos mantém-se nas funções de ministra da Saúde, e Marcelino Leal Sanches, nome que também era dado até fora do novo elenco, matem-se nas pastas de juventude e desportos.

Três novos nomes entram para a nova composição do governo, nomeadamente na Justiça, negócios estrangeiros e emprego e assuntos sociais.

 Ilza dos Santos Amado Vaz que até agora vinha exercendo as funções de diretora geral das alfândegas, passa a exercer as funções de ministra da Justiça, Administração Pública e Direitos Humanos.

Urbino Botelho que exerceu, durante muito tempo, o cargo de embaixador e nos últimos anos diretor da cooperação multilateral substitui Salvador dos Ramos no cargo de Ministro dos Negócios Estrangeiros e Comunidades, enquanto Emílio Fernandes Lima passa a ocupar o cargo de ministro do Emprego e Assuntos Sociais deixado por Carlos Gomes.

o comunicado de imprensa do governo indica ainda que o primeiro ministro endereçou cartas a cada um dos ministros que brevemente cessarão as suas funções manifestando “sua gratidão e reconhecimento pelo desempenho e dedicação no exercício das suas respetivas responsabilidades e desejando-lhes sucesso nos novos desafios que abraçarão nos próximos tempos”. M. Barros

https://www.facebook.com/Vitrina-online

Voltar 

 

 

 

 

"Vitrina", Propriedade da PRESSCO, Lda., Sociedade de Prestação de Serviço nas Áreas da Comunicação Social - Contribuinte nº

199150 - S. Marçal - S.Tomé - RDSTP,  Cx. Postal  628 - Telm: +239 990 33 30

diariovitrina@hotmail.com  / Webmaster HSA